Universidade Federal do Pará
Quarta-feira, 05 de Agosto de 2020

Sugestões/Comentários

Quem está Online?

Nós temos 99 visitantes online

Quantos Viram Isto?

Visualizações de Conteúdo : 375503

Home Dissertações Dissertações 2002 - SILVA, Paulo Alexandre Souza da.

 

SILVA, Paulo Alexandre Souza da. Perfilagem de produção em poços intermitentes. 2002, 31f. Dissertação (Mestrado em Geofísica)- Curso de Pós- Graduação em Geofísica, Centro de Geociências, Universidade Federal do Pará, Belém, 2002.

 

RESUMO

Historicamente, a técnica da perfilagem de produção tem sido utilizada em poços estáveis para a determinação da natureza e do comportamento do fluido produzido ou injetado nas formações completadas.

A instabilidade na produção de um poço é caracterizada pela ocorrência de fluxos instáveis, o que produz inconsistências entre as várias medidas das ferramentas constituintes da perfilagem de produção convencional, dificultando a sua interpretação. A solução para que o poço apresente estabilidade compatível com a técnica convencional da perfilagem de produção raramente é encontrada, principalmente nas completações multizonas, com produção de hidrocarbonetos em diferentes formações.

Este trabalho apresenta a técnica de aquisição e interpretação de perfis de produção para qualquer tipo de poço produtor, inclusive para poços intermitentes, sem que seja necessária qualquer mudança na ferramenta de produção. Esta técnica, denominada de PAINTWELL, permite que cada intervalo produtor possa ser analisado individualmente, para a determinação da produção ou injeção, e do tipo de fluido produzido ou injetado, respectivamente.

A integração dos novos procedimentos trazidos pela técnica PAINTWELL, com as diversas ferramentas existentes para perfilagem de produção, possibilita a única forma aceitável da utilização de perfis de produção em poços intermitentes, que são cada vez mais comuns na indústria do petróleo.

A técnica de aquisição e interpretação PAINTWELL foi utilizada com sucesso para um poço intermitente da região do Lago Maracaibo, na Venezuela, produzindo óleo com alto valor de corte de água, através de um sistema de levantamento artificial do fluido por injeção de gás lift.

 

Texto Completo

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Qual a sua avaliação para o CEMIG?
 
© 2012 - Instituto de Geociências - Universidade Federal do Pará
Centro de Memórias do Instituto de Geociências
Tel: (91) 3201-7476 • E-mail: cemig@ufpa.br