Universidade Federal do Pará
Quarta-feira, 05 de Agosto de 2020

Sugestões/Comentários

Quem está Online?

Nós temos 284 visitantes online

Quantos Viram Isto?

Visualizações de Conteúdo : 375686

Home Dissertações SOUZA, Ana Maria Soares de

SOUZA, Ana Maria Soares de. Mineralogia e petrologia do complexo ultramáfico e alcalino de Santa Fé- Go. 1978, 135f. Dissertação (Mestrado em Geoquímica) - Curso de Pós- Graduação em Ciências Geofísicas e Geológicas, Universidade Federal do Pará, Belém, 1978.

RESUMO

O corpo de santa fé é um complexo ultramáfico e alcalino que guarda várias semelhanças com os complexos concêntricos alaskianos. Seu “emplacement” deu-se no cretáceo superior, em terrenos granito-gnássicos do complexo basal goiano (Almeida, 19767). Tem forma ovalada com cerca de 60 Km² de área e eixo maior orientado na direção NS. Situa-se no sudoeste do estado de Goiás-Brasil, a 15º14’ de latitude S e 51º 16’ de Longitude W.

Possui uma estrutura zonada com núcleo dunitíco aureolado por faixas irregulares e descontinuas de peridotitos e piroxenitos, com missouritos e malignitos associados. Ocorrem ainda associados: leucita peridotitos e piroxenitos, mica, lamprófiros, fonólitos e assexitos. Os dunitos prefazem quase ¾ da área total de afloramento do complexo.

Foram definidas 3(três) associações petrográficas, a saber: associação de rochas ultramáficas normais – constituída por dunitos, peridotitos e piroxenitos; associação de rochas ultramáficas alcalinas: constituída por missouritos, leucita peridotitos e piroxenitos; e associação de rochas máficas feldspatoidais constituída por malignitos e essexitos.

Texto Completo

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Qual a sua avaliação para o CEMIG?
 
© 2012 - Instituto de Geociências - Universidade Federal do Pará
Centro de Memórias do Instituto de Geociências
Tel: (91) 3201-7476 • E-mail: cemig@ufpa.br